04
Jul 15
Imprimir

O Jornal Nacional de ontem, dia 3 de Julho de 2015, apresentou uma forte reação da Globo, a agressão sofrida pela jovem Majú, competente e talentosa apresentadora do tempo.

Segundo o relato, novamente pessoas, sem sentimentos e respeito ao próximo, invejosos e acima de tudo mal educados, despejaram sua ira, contra uma pessoa decente, que trabalha com entusiasmo visível a todos que assistem o Jornal Nacional.

Majú tornou o espaço agradável de se ver, pois seu sorriso contagiante, sua beleza, elegância e acima de tudo, talento especial para informar, o que todos desejam saber diariamente, merece respeito e admiração e não demonstrações de racismo, que infelizmente ainda persistem em nosso País.

Que o fato motive a Globo a continuar numa campanha permanente combatendo essa crueldade que atinge milhões de pessoas. Não vamos ficar quietos diante de mais essa agressão. Vamos contagiar o meio em que vivemos numa corrente nacional para acabar, de vez, com qualquer tipo de discriminação.

Que a Lei seja aplicada e que estes agressores sejam encontrados e punidos, única maneira de fazê-los entender, que estão errados e não podem continuar espalhando ódio e rancor por onde andam.

Somos iguais, não só perante a lei dos homens, mas principalmente diante da lei maior de Deus.

Vamos dizer NÃO a qualquer tipo de discriminação.