07
Mar 12
Viver e Saber

Sim, perfeitamente possível, dependendo de algumas condições entre as quais a vontade e a disposição dos diretores e gerentes para que isso ocorra. Infelizmente a palavra felicidade não faz parte do vocabulário empresarial, onde os níveis de comando são investidos de uma autoridade, que muitos não tem condições de usá-la convenientemente, tornando a vida dos colaboradores triste e infeliz.



O teste para verificar o grau de felicidade dentro de uma empresa é muito simples. Um bom observador ao entrar numa empresa logo verifica se as pessoas trabalham alegres e felizes, pelo olhar , pelo sorriso e principalmente pela disposição em atender bem.

Normalmente as chefias fazem muitas reuniões, onde falam muito e ouvem pouco, perdendo a noção de tempo, o que aborrece quem está ouvindo. Fazem muitas cobranças o tempo todo, mas esquecem que as pessoas só serão produtivas se houver um perfeito entendimento, sintonia e um motivo para produzir bem, além de ser funcionário da empresa.

Para que isso funcione e traga bem estar e felicidade para todos é necessário conhecer o colaborador, saber de suas necessidades, desejos e projetos para sua vida. Através destes dados poderá ser feito um acompanhamento para auxiliar o colaborador a atingir os seus anseios.

A equipe sendo comandada por um gerente qualificado, com sensibilidade no trato com pessoas, que interage e mostra ao grupo que ele é importante e que seja coerente nas ordens que dá, agregará a equipe e obterá os resultados que precisa. O grupo sentindo-se integrado, participante, considerado e respeitado,

será feliz por saber que contribui decisivamente para o sucesso da Empresa.

É preciso que muitos gestores, principalmente no nível gerencial se questionem sobre suas atitudes e ações e ouçam seus colaboradores, não tendo medo de serem avaliados por eles. A comunicação direta e bem intencionada leva a bons resultados. Já vai longe o tempo em que um chefe era considerado um ser superior, dono da verdade e intocável. Hoje é preciso ser humano, hábil nas palavras e flexível nas atitudes e na tomada de decisão.

O conhecimento está ao alcance de todos e, não raras vezes, alguns colaboradores tem melhor formação acadêmica e cultura do que muitos superiores hierárquicos.

É preciso dialogar, se entender, criar empatia, respeito e companheirismo, para juntos conseguirem os resultados desejados de forma tranqüila, alegre, sentindo prazer em ir para a empresa, todos os dias para trabalhar.

Pessoas motivadas, felizes, sentindo prazer com o que fazem e principalmente participantes do processo conseguem produzir muito bem, desde que tenham na liderança um profissional que crie o ambiente favorável para que isso aconteça.

Ser feliz é o grande objetivo de todos os seres humanos. Por que as empresas não se preocupam com isso?

A resposta está na palestra proferida pelo Professor Adelino Cruz, dirigida a todas as empresas que desejam obter resultados e ao mesmo tempo trabalhar com pessoas felizes e realizadas. Solicite a palestra em sua empresa, preenchendo o formulário neste link. Se desejar maiores informações entre em contato pelo fone 51 9978-9020 ou pelo e-mail: atendimento@viveresaber.com.br.

 

Comentarios (0)

RSS Comentario Feed

Escreva seu Comentario

smaller | bigger

busy

Receber Novidades


.