14
Ago 11
Viver e Saber

Ler bons livros é fundamental para enriquecer os conhecimentos de qualquer cidadão. Saber distinguir um bom livro é uma característica que precisa ser dominada.

 

Existem muitos lançamentos no mercado, mas nem sempre escritos com a devida qualidade. O leitor habitual consegue identificar e separar o que deve e o que não deve ser lido.

A leitura de um modo geral sempre faz bem. Ela enriquece os conhecimentos, preenche o tempo e acalma a mente. Muitos descobrem através da leitura uma maneira de se auto motivarem. Existem livros excelentes, que motivam e mostram um novo caminho. Muitos profissionais usam este recurso para se manterem informados, mas também com elevada moral, para a realização das tarefas do dia a dia.

Existem os livros técnicos que são obrigatórios para os profissionais das diversas especialidades existentes. Alguns apresentam conteúdos complexos, mas escritos de uma forma fácil de ser entendidos. Outros, ao contrário são de difícil entendimento. Muitas vezes o leitor deixa de apreciar a leitura por imaginar que todos os livros são difíceis de ler.

O que precisa ser entendido é que cada um tem um caminho. O bom da leitura é saber diferenciar o conteúdo de cada um e identificar qual a melhor opção para cada ocasião.

Os estudantes, de uma maneira geral, não gostam de ler, principalmente no ensino fundamental. Nada os agrada. Tudo é chato. Querem tempo livre para outras atividades porque não foram estimulados a ler. Entendem que é uma obrigação e isso os desagrada.

É preciso que os professores, antes de determinar a leitura de algum livro, mostrem a importância que terá para a vida deles se lerem o que está sendo recomendado. É preciso, ainda, que os títulos escolhidos despertem a atenção e a curiosidade. É um processo educativo que terá um tempo para se concretizar.

Por outro lado se os jovens tiverem o exemplo de casa, logo estarão lendo também. Nas datas festivas seria importante os pais presentearem os filhos com livros, além de outros presentes que desejarem dar.

Criar o hábito de dar um livro no Natal pode estimular os jovens para a leitura. Por ser uma data importante, quando todos estão muito receptivos, dar o livro junto com outros presentes mostra a importância que os pais dão a leitura. convidá-los a ler e comentar com a família. Quando isto acontecer elogie e cumprimente pelos comentários, isto fará com que sinta prazer em realizar esta tarefa.

São pequenas atitudes, tanto da escola como da família em não apenas exigir, mas em estimular e mostrar o exemplo, que farão com que os mais jovens adquiram o prazer de ler. Quando descobrirem isso, nunca mais deixarão de apreciar um bom livro.

Todos sabem que no mundo competitivo que está aí, alguns diferenciais são observados por todos. Sem dúvida o grande diferencial é o conhecimento. Um dos caminhos para adquiri-lo é através da leitura.

Comentarios (0)

RSS Comentario Feed

Escreva seu Comentario

smaller | bigger

busy

Receber Novidades


.