22
Jul 13
Viver e Saber

 

A realização da Jornada Mundial da Juventude é um evento de abrangência internacional, como a copa do mundo em 2014 e as Olimpíadas 2016, que exige um rigoroso planejamento, visando atender a todas as necessidades dos participantes.

Organizar um evento é um trabalho cuidadoso,com um foco no objetivo estabelecido e no plano de ações, para que nada seja esquecido e tudo possa ser feito, visando satisfazer os propósitos de quem organiza e ao mesmo tempo, atender com perfeição os participantes, que formarão uma imagem positiva, dependendo da qualidade da organização.

São centenas de pessoas envolvidas na organização de um evento, lideradas por um comitê organizador, que também tem na sua estrutura organizacional, um grupo de profissionais que dominam o assunto, cada um com sua equipe especializada para garantir o sucesso do empreendimento.

 

Em qualquer um dos grandes eventos que estão ocorrendo ou que acontecerão nos próximos anos no Brasil, a participação dos Governos é indispensável para garantir a realização, a segurança e recursos necessários, uma vez que a imagem do País precisa ser resguardada. O que não pode acontecer é permitir que a corrupção faça parte da organização.

O ponto de partida para a instituição da Jornada Mundial da Juventude aconteceu em 1984 com o Encontro Internacional da Juventude na Praça de São Pedro, no Vaticano por iniciativa do Papa João Paulo II, que entregou aos jovens a cruz que se tornaria símbolo da futura Jornada mundial da juventude.

O ano de 1985 é declarado o ano Internacional da juventude pela ONU e o Papa João Paulo II institui a Jornada Mundial da Juventude, após a realização em marco de um novo encontro Internacional de jovens no Vaticano.

A JMJ que inicia hoje, com a chegada do Papa Francisco no Rio de Janeiro, demandou um Planejamento rigoroso, organizado pela Igreja Católica Brasileira, com envolvimento do Vaticano e de todas as forças vivas da Nação, mostra que planejar, organizar, Dirigir e controlar são atividades essenciais para garantir o sucesso de em evento. Seria impossível a realização de um evento desta magnitude sem um planejamento perfeito.

Tudo indica que o Brasil viverá dias de muita religiosidade e muita fé, uma vez que é estimada a participação de um milhão e meio de pessoas vindas de diferentes países, embaladas pelo espírito de mudar, o que está infelicitando a vida de milhões de pessoas pelo mundo afora, principalmente dos jovens perdidos neste desatino das drogas, que causam tantos sofrimentos.

O resultado final é que mostrará se o planejamento funcionou, servindo de modelo para outros tantos que acontecerão, pois apesar da contrariedade de muitos sobre estes eventos, eles tem o poder de levar a imagem do Brasil a diferentes cantos do mundo, atraindo turistas, que geram divisas e contribuem para economia do País.

Dicas de como planejar a organização de um evento:

1 – Realizar uma análise das experiências anteriores.

2 – Fixar o objetivo que se deseja obter do evento.

3 - Estabelecer as metas a serem alcançadas.

4 - Definir responsabilidades e execução de tarefas.

5 - Elaborar um plano de ação.

6 - Controlar a realização do plano de ação.

7 - Mensurar resultados.

Organizar um evento, obtendo resultados positivos, é uma meta que será atingida dependendo da escolha dos profissionais que precisam estar comprometidos com as metas estabelecidas, cumprindo rigorosamente o que foi planejado, evitando improvisações. O Planejamento após aprovado, precisa ser cumprindo fielmente. Isto garante o sucesso de um evento.

 

Comentarios (0)

RSS Comentario Feed

Escreva seu Comentario

smaller | bigger

busy

Receber Novidades


.