25
Jun 13
Viver e Saber

 

Planejar é uma ferramenta administrativa indispensável, para nortear as ações de uma empresa não só para empresas, que a levem a atingir os resultados necessários. Para isso deverá elaborar o planejamento estratégico, seguido de um planejamento tático e operacional, poderoso instrumento de gestão.

Para Peter Drucker(1977)” É um processo contínuo, sistemático, organizado e capaz de prever o futuro, de maneira a tomar decisões que minimizem riscos.”

 

Segundo Kotler(1992, p.23) “é o processo gerencial de desenvolver e manter uma adequação razoável entre os objetivos e recursos da empresa e as mudanças e oportunidades de mercado”. O objetivo do planejamento estratégico é orientar e reorientar os negócios e produtos da empresa, de modo que, gere lucros e crescimento satisfatórios.

A formulação de estratégias visa determinar os rumos a seguir, visando atingir os objetivos estabelecidos. Para isso é preciso analisar o cenário onde a empresa está inserida, identificando as oportunidades para desenvolver as ações na busca de resultados e as ameaças que podem interferir no processo, tanto do ponto de vista interno quanto externo da organização. (Phillip Kotler,2000).

Ao planejar será preciso identificar o que é:

1 - Missão da empresa

A Missão deve dizer, claramente, para que serve ou qual é a razão de ser ou existir da empresa.

2 – Visão

Visão deve responder aonde se quer chegar. Qual a visão de futuro.

3 – Valores e estratégia.

Que atitudes tomar para atingir a visão estabelecida.

Um ponto fundamental para planejar bem é formular objetivos realistas e não ilusórios, razão pela qual é importante ter a participação de todas as áreas da empresa, que deverão refletir e sugerir, contribuindo para a conclusão de um

trabalho que obtenha os resultados esperados.

Todo o planejamento deve ser avaliado permanentemente, corrigindo rumos, eliminando ou acrescentando novas variantes, que surgirem no decorrer do processo. Na verdade, a equipe encarregada de planejar deverá estar atenta as alterações na legislação e no mercado, visando manter sempre atualizado o que foi planejado.

O conhecimento e o comprometimento de todos os colaboradores, com o que foi planejado, é fundamental para que o mesmo não se torne mais uma peça de arquivo, para mostrar que existe.

Uma empresa não pode sobreviver sem ter um rumo estabelecido e muito menos dirigida por idéias soltas, de diretores e gerentes, que surgem a todo dia, que acabam gerando intranqüilidade nas equipes. Dificuldade para acompanhar resultados revelando desorganização e falta de critérios de avaliação.

Para os pequenos negócios é importante pensar, ao iniciar um empreendimento, na melhor maneira de administrá-lo. Para isso, um planejamento, mesmo que simplificado, que norteie as ações, será fundamental.

Para estes casos um modelo simplificado, conforme segue:

Análise de experiências anteriores e do mercado.

Fixação de objetivos.

Plano de ação. Estabelecer o que será feito.

Administrar e controlar o que está sendo feito.

Mensurar resultados.

 

Aprender a viver e trabalhar planejado, é um passo importante, para o sucesso de uma organização e dos profissionais que executam as tarefas.

 

 

Comentarios (0)

RSS Comentario Feed

Escreva seu Comentario

smaller | bigger

busy

Receber Novidades


.