13
Ago 11
Viver e Saber

A resposta é SIM.

Por que avaliar professores?

Porque todos os profissionais e suas atividades precisam receber um feed back, para saberem como está sendo visto e entendido o seu trabalho.

 

Avaliar um professor, nada mais é do que sinalizar se o caminho que está sendo percorrido é o melhor e se realmente está contribuindo para a formação dos alunos.

Não dá para confundir avaliação com perseguição, como muitos estão pensando. Avaliar é dar retorno do trabalho realizado. Com ele os professores poderão verificar onde podem melhorar. O objetivo deve ser sempre positivo, isto é contribuir para o crescimento do próprio professor.

O que acontece nas escolas são provas que só tentam identificar o conhecimento dos alunos. Porque não fazer a mesma coisa com os professores?

Muitos por estarem há muitos anos lecionando tem uma postura antiga, autocrática, distante da realidade de hoje, quando as crianças são instigadas a serem participativas, diferentemente do que acontecia no passado.

Estas atitudes, de uma parte dos professores, não motiva os alunos a irem para a escola, porque eles não tem bom relacionamento com os professores. Identificam que não são queridos e portanto rejeitados. Como querer estar perto desta pessoa?

Por outro lado todos querem ser aceitos no meio em que vivem. As crianças muito mais do que adultos tem uma sensibilidade muito grande para perceber o quanto são queridos. Eles querem atenção e não gritos. Ainda é comum ver nas escolas professores gritando para ensinar. Isto é uma agressão, porque ninguém em uma conversa normal grita. É preciso falar em aula como se estivesse numa sala de casa conversando. Só assim o aluno irá captar o que está sendo falado.Gritar em aula é admitir que falhou, pois não consegue atrair a atenção dos alunos de forma tranqüila.

É preciso introduzir métodos de avaliação permanente nas escolas. Os alunos deverão sim avaliar seus professores. Aqueles que forem bem avaliados devem ser reconhecidos e cada vez melhor treinados para continuarem seu trabalho. Os que não obtiverem boas pontuações, deve ser feita uma análise criteriosa, para identificar quem pode ser recuperado ou não. Aqueles que tiverem condições deverão passar por um período de conscientização e desenvolvimento pessoal que os torne aptos a voltar as salas de aula. Os demais deverão ser dispensados.

Isto ocorre em todas as empresas que se preocupam em manter os seus clientes.Os alunos e seus pais não são clientes da escola?

Grandes Universidades internacionais de alto conceito há muito tempo introduziram critérios de avaliação de desempenho. Só permanece na escola professores que alem de repassarem conhecimentos importantes também tornem a aula agradável e atrativa para os alunos.

Os bons professores não devem temer a avaliação, assim como os bons profissionais nas empresas também não a temem. As escolas deverão incentivar os bons professores, que receberem ótimas avaliações, com prêmios e aumentos salariais.

Avaliar professores é uma necessidade. Muitos alunos serão beneficiados com isso e melhorarão seu desempenho escolar, porque sentirão que são reconhecidos e que participam do processo. Isto é uma coisa que o ser humano aprecia.

Comentarios (1)

RSS Comentario Feed
Minha situação na escola
0
Como aluno,venho muito decepcionado com a minha escola, é uma escola pública no qual eu estudei a maior parte da minha vida. Estou cursando o 2° ano do ensino médio e não faz muito tempo que percebi que alguns (maioria) professores da minha escola não são qualificados para dar um ensino adequado aos alunos. Essa maioria simplesmente deixa a sala ser um caos, e ainda fica conversando com os alunos sobre seu dia, sem ensinar nada, como se fosse uma sala de bate-papo qualquer. Outros professores apenas dão filmes e falam para fazer a apostila, sem dar o preparo necessário para fazer a mesma.
Acredito que uma reforma deve ser feita nos professores, para depois ser feita nos alunos.
João Lucas , abril 19, 2017

Escreva seu Comentario

smaller | bigger

busy

Receber Novidades


.