01
Out 12
Viver e Saber

As reclamações de clientes com o atendimento nas empresas são, cada vez mais, freqüentes. Relatam problemas de toda a ordem, desde o despreparo dos funcionários até a intransigência das empresas em não dar solução ao problema apresentado.

A conseqüência disso é uma situação constrangedora que ocorre com as freqüentes discussões em público, tão freqüentes em diversos locais.

Ontem, ao participar de um encontro onde estavam presentes perto de trinta pessoas, ocorreu a seguinte situação:

 

Um dos presentes começou a relatar um fato ocorrido com ele num supermercado da cidade quando comprou um produto que custava R$ 29,90. Quando chegou no caixa percebeu que foi registrado R$ 39,90. Por ser advogado e conhecer a lei exigiu que o preço fosse, o que estava na gôndola.

A caixa chamou o supervisor, que ouvindo o relato, disse que ele teria que pagar o preço do produto conforme o registro do caixa. Ele não aceitou a colocação e exigiu a presença do gerente. Este ao ouvir o caso autorizou a caixa a registrar o valor que o cliente exigia.

Este caso mostra problemas que são da empresa e não do cliente, que mesmo assim se aborreceu com algo que não precisava, pois tinha razão naquilo que exigia.

Infelizmente estes casos são comuns no mercado. A toda a hora se ouve pessoas contando problemas que tiveram com atendimento. No caso citado acima, logo surgiram outros casos contados por pessoas que estavam presentes.

Esta é uma situação constrangedora, tanto para as empresas quanto para os clientes, que infelizmente ocorre com muita freqüência. Não é possível, aceitar mais que as empresas sempre duvidem dos clientes, mesmo sabendo que há muitos espertos querendo levar vantagens.

É preciso profissionalismo e atitudes firmes e positivas por parte das empresas quanto a qualidade do que vendem e também quanto ao treinamento aos funcionários para que tenham maior autonomia e normas claras quanto a problemas com produtos.

Qualquer pessoa que viaje e conheça o que acontece nos países desenvolvidos sabe que as trocas ou devoluções são aceitas assim que o cliente apresenta o problema, sem nenhuma resistência, porque respeitam os clientes e querem mantê-los satisfeitos e fiéis a empresa.

Em nosso pais em função da violência e da esperteza, a primeira coisa a fazer é duvidar do que o cliente está dizendo. Isto é um erro que precisa ser corrigido. A grande maioria das pessoas, ainda é honesta, felizmente.

As empresas precisam se preparar melhor para atender bem o cliente, não só na hora da venda, mas também quando surge qualquer problema, pois é nesta hora que ela ganhará o cliente em definitivo ou não, dependendo do atendimento que dispensa a ele.

Muitas empresas perdem, muito mais, ao duvidar ou atender mal um cliente, que insatisfeito, faz questão de contar o problema que teve , contribuindo para a formação de uma imagem negativa na mente de seus familiares e amigos.

A Consultoria Viver e Saber é especializada em atendimento. Faça contato pelo e-mail atendimento@viveresaber.com.br, ou pelos fones 99 55 32 21 que teremos prazer em solucionar problemas nesta área.


Comentarios (1)

RSS Comentario Feed
ATIVIDADES
0
Olá boa tarde!

Sou professora de uma escola profissionalizante, e gostaria de obter material com atividades em que meus alunos possam responder de acordo com situações problemas, causadas por clientes, no cotidiano das lojas ou estabelecimentos comerciais. Leciono a disciplina de vendas, e não estou conseguindo encontrar esses exercícios com perguntas e respostas, na net.

Agradeço se me enviarem algum material.

Grata

Alana Aquino
Alana Aquino , agosto 04, 2015

Escreva seu Comentario

smaller | bigger

busy

Receber Novidades


.