26
Set 12
Viver e Saber

O Planeta Terra abriga por volta de 7 bilhões de pessoas, onde uma minoria absoluta pode ser considerada realmente bela. Apenas 2% dos homens e 3% das mulheres, tem o privilégio de serem reconhecidos como pessoas bonitas, no mundo todo.

O quanto isto interfere na vida de todos os seres humanos?

Estudos recentes revelam que as crianças bonitas recebem mais atenção desde os primeiros anos de vida, o que as torna adolescentes mais populares e procurados pelos demais.

Quando adultos encontram mais facilidades, tanto no amor como no sexo, além de serem profissionais bem remunerados, com possibilidades de realizarem melhores casamentos com pessoas de melhor poder aquisitivo.

Este grupo tem o poder de influenciar e de encantar a todos, porque desde o início dos tempos existe um fascínio pela beleza, que sempre despertou o interesse e a admiração de todos.

Na Grécia antiga havia um culto a beleza imortalizada nas obras esculpidas, que até hoje são admiradas nos grandes museus existentes, onde a simetria refletia a perfeição de corpos.

Para o psiquiatra Frederico Porto que atua na consultoria DBM especializada em gestão e recursos humanos, “não existe neutralidade diante da beleza”. “É um reflexo automático ter boa impressão em relação aos belos.

É inegável que pessoas bonitas ou extremamente belas despertam a atenção e a admiração de todos. Isto acontece também nas seleções para preenchimento de vagas, onde são percebidas e valorizadas, porque causarão o mesmo impacto nos clientes que forem atender.

Mas se a beleza pode abrir portas e despertar a atenção, também é certo que só ela não é suficiente, quando a pessoa não tiver talento ou não estiver preparada para atender bem um cliente.

Por outro lado existem pessoas muito bonitas interiormente, mesmo que na aparência física a beleza não exista. A inteligência, as boas maneiras, o sorriso alegre, a atenção que dedicam aos clientes as tornam tão ou mais bonitas do que aquelas distinguidas pela beleza física.

Existem milhões de pessoas no mundo que cultivam uma auto imagem elevada e se tornam tão bonitas aos olhos alheios pelo magnetismo, pela maneira de falar, pela saúde que demonstram, pelo caráter que demonstram e principalmente pela capacidade que tem de encantar os demais.

Estas são as pessoas ideais para atenderem o público. Esbanjam energia positiva, bem como interesse em ajudar os demais a resolverem seus problemas. Nunca estão desanimadas e sempre encontram um jeito de demonstrar que trabalham sentindo prazer pelo que fazem.

O ideal na vida é se sentir bem com o que tem, valorizando o principal, que é uma boa saúde e valores morais que são os grandes diferenciais, para uma vida feliz. A beleza física ou interior é um bem que todos possuem, em maior ou menor grau, mas que sempre deve ser usada para somar e não para discriminar.

Comentarios (0)

RSS Comentario Feed

Escreva seu Comentario

smaller | bigger

busy

Receber Novidades


.