13
Ago 11
Viver e Saber

O povo Rio-Grandense tem na sua história verdadeiros tesouros que precisam ser lembrados, para que as novas gerações conheçam e sintam orgulho da terra em que nasceram.

Não vamos falar neste artigo das lutas e conquistas que engrandecem nossos antepassados e enriquecem nossa história, pois este será tema de um outro artigo.

Vamos registrar algo nobre que aconteceu no Rio Grande do Sul na década de setenta, quando o médico Rolf Udo Zelmanowicz, fundador da Associação dos profissionais Liberais Universitários do Brasil APLUB, decidiu reunir em único espaço, denominado Pinacoteca APLUB de Artes Rio-grandense, as obras de renomados artistas gaúchos.

Uma seleção rigorosa escolheu as melhores obras entre pinturas a óleo, aquarelas, desenhos e esculturas. Participaram da iniciativa Adelino Cruz, João Carlos Ferreira e Nelson Boeira Faedrich, encarregados da aquisição e  da montagem das obras no novo espaço, situado na rua sete de setembro 1075 no centro de Porto Alegre no Rio Grande do Sul.

A inauguração, ocorrida em Outubro de 1975 teve a presença do Governador do Estado, na época Dr.Sinval Guazzelli, Conselheiros e Diretores do Grupo APLUB, além de convidados especiais que foram unânimes em elogiar a iniciativa, como uma grande contribuição para a cultura Rio-Grandense.

Trezentas obras foram expostas, entre as quais destacamos os artistas gaúchos Pedro Weingartner, Ernesto Frederico Scheffel, José Augusto Luiz de Freitas, Oscar Boeira, Libindo Ferraz,José Lutzenberger, Angelo Guido, Eugenio Latour,Aldo Locatelli, Oscar Crusius, João Fahrion, Henrique Fuhro, Leopoldo Gotuzzo, Nelson Boeira Faedrich, Gustavo Epstein, Carlos Alberto Petrucci, Maria Tomaselli, Clara Pechansky, Danubio Gonçalvez, Carlos Scliar, Glauco Rodrigues, Alice Bruegmann, Alice Soares, Nelson Yungbluth, Paulo Porcela, Hilda Mattos, Gastão Tesche, Professor brilhante, Antonio Caringi, Xico Stockinger, Vasco Prado, Leda Flores,Guma, Roberto Cidade. Outros nomes se integraram a coleção com um destaque especial a Ado Malagolli, um dos nomes mais importantes para as Artes Rio-grandenses.

Hoje o acervo pertencente a Fundação Aplub de Crédito Educativo tem catalogado Oitocentas obras, constituíndo-se no mais importante acervo de obras de artistas rio-grandenses.

O médico e empresário Rolf Udo Zelmanowicz, nascido na Alemanha veio para o Rio Grande do Sul quando tinha oito anos. Aqui estudou, fez medicina, onde teve atuação marcante como médico e professor. Em 1964, atuando no Sindicato médico do RS, reuniu um grupo de Profissionais Liberais Universitários e criou o Grupo APLUB. Sua contribuição ao progresso do Estado e do País é muito grande, mas a história lhe reservará um lugar especial, na galeria dos grandes nomes que marcaram sua trajetória neste Estado, ressaltando sua sensibilidade e paixão pelas Artes demonstrada na Criação da PINACOTECA APLUB DE ARTE-RIOGRANDENSE.

Adelino Cruz

Comentarios (0)

RSS Comentario Feed

Escreva seu Comentario

smaller | bigger

busy

Receber Novidades


.