11
Fev 12
Imprimir
Viver e Saber

1. Dizer sempre a verdade

2. Usar de franqueza e sinceridade

3. Demonstrar o quanto o amigo é importante

 

 

4. Tratar o amigo com admiração valorizando o que ele faz

5. Respeito na relação

6. Não usar desculpas ou permitir interferências

7. A troca entre os amigos precisa ser equilibrada

8. Demonstrar confiança total no amigo

9. O comportamento utilizado no início da relação deve ser mantido sempre

10. Saber perdoar.

Os ruídos na comunicação impedem o entendimento entre as pessoas. As desculpas utilizadas freqüentemente só atrapalham uma boa relação. O melhor sempre é ser franco, sincero, direto e nunca fugir da verdade.

Muitas pessoas preferem usar desculpas quando surge algum problema entre amigos e não tem coragem de usar a franqueza e dizer claramente o que está atrapalhando a relação.

O resultado disso é que o problema se agrava, porque a única coisa que realmente funciona é a verdade. Ela esclarece e põe um ponto final no atrito.

Quantas relações acabaram pela falta de coragem em dizer o que realmente precisava ser dito?

Milhões sem dúvida. Usar desculpas é deixar de esclarecer e prolongar dúvidas que castigam e humilham as pessoas.

É comum ouvir pessoas dizendo que tem muitos conhecidos mas pouquíssimos amigos. Infelizmente é assim. As longas amizades se desfazem e outras mais recentes duram pouco tempo pela falta da verdade entre os amigos.

A melhor receita para manter uma amizade é aceitar o outro como ele é. Uma amizade só terá uma permanência no tempo se houver um sentimento profundo entre os amigos de se ajudar mutuamente, de aceitar criticas e sugestões, de se gostarem pra valer e principalmente confiança absoluta, pois se houver desconfiança já não pode mais ser uma grande amizade.

Também é preciso não ser um juiz rigoroso diante das colocações do amigo. Muitos por qualquer brincadeira ou posição contrária em algum assunto já entendem que não poderão mais manter a amizade. São pessoas rigorosas nas suas avaliações e destituídas da capacidade de entender e perdoar.

Muitas esquecem o que fez com que a amizade surgisse e se tornasse tão importante. Tudo que era sentido ou dito deixa de ter importância repentinamente. Buscam outras opções esquecendo de dizer a verdade sobre o que os afastou. A mudança brusca de comportamento danifica uma boa relação.

Manter uma boa amizade é um privilégio para poucos, que fazem o melhor que podem para manter aquilo que conquistaram. Entendem que ter um amigo é algo supremo, que precisa ser guardado com carinho e principalmente cultivado com muita atenção, respeito consideração.